TecnoArteNews

Notícias sobre cultura e arte contemporânea

segunda-feira

26

março 2012

1

COMENTÁRIOS

Museu das Telecomunicações reabre com máquina do tempo e história do telefone

Escrito por , Postado em Destacadas

oi_futuro_museu_das_telecomunicacoes_foto_ana_andrade

Rio de Janeiro – Após três meses de reforma, o Museu de Telecomunicações, no Rio de Janeiro, reabriu ao público. O espaço acaba de passar por uma grande reforma, substituindo placas iconográficas por tablets e ganhando equipamentos ativados por gestos e sensíveis ao toque. O resultado é uma nova experiência para os visitantes.

Entre as novas atrações estão a Máquina do Tempo, que fotografa o visitante em um cenário virtual composto por imagens do Rio de Janeiro e envia a foto para as redes sociais do espectador, a Iconografia Digital, a mais completa coleção de telefonia pública do país, a mesa sensível ao toque sobre a Evolução da Internet, uma Linha do tempo digital que usa um monitor ativado por gestos para detalhar a história das telecomunicações ou sobre os fatos que marcaram determinado ano, um painel interativo com a “História dos celulares” desde os aparelhos móveis de guerra do início do século XX e, ao final do passeio, os grupos serão envolvidos por um jogo de luz que simula uma viagem ao espaço em uma área chamada Somos feitos de estrelas.

Inaugurado em 2007 no Oi Futuro do Flamengo, o Museu das Telecomunicações tem entrada gratuita e recebe cerca de 70 mil pessoas por ano. O espaço é pioneiro no país no uso da tecnologia de ponta integrada à museologia, organizado como um hipermuseu, em que o visitante pode levar de seis minutos a seis horas para explorar a exposição. O projeto da reforma é da empresa 32 Bits, responsável por exposições no Museu da Língua Portuguesa, em Lisboa, e na Oca, em São Paulo. A curadoria do Museu é de Maria Arlete Gonçalves, diretora de Cultura do Oi Futuro.

O museu leva o visitante a uma viagem pela história da comunicação humana no Brasil e no mundo. São 210m² que traduzem o conceito moderno de museu: o máximo de informação no mínimo de espaço. A ideia é integrar os objetos do acervo, como telefones, aparelhos de telex, cabines telefônicas, vídeos, fotografias, textos e programas interativos, permitindo aos visitantes navegar por uma infinidade de janelas de conteúdos diversos.

Entre os principais objetos em exposição está um exemplar do primeiro PC vendido no mundo. Há também listas telefônicas digitalizadas que revelam os endereços de cariocas ilustres e arquivos sonoros inéditos, com vozes de Clarice Lispector, Freud e Thomas Edison, entre outros.

Outra atração de destaque é sala dos Profetas do Futuro. O visitante entra num compartimento individual, senta numa poltrona e aciona um comando que permite um encontro virtual com personalidades que tiveram, em diferentes momentos da história, uma visão futurista da humanidade, por meio de uma projeção com efeito 3D. Leonardo da Vinci, Platão, Goethe e o brasileiro Oscar Niemeyer são alguns dos homenageados.

Serviço:

Museu das Telecomunicações, no Rio de Janeiro

QUANDO: de terça-feira a domingo, das 11h às 17h

ONDE: Museu das Telecomunicações (Rua Dois de Dezembro, nº 63, Flamengo, no Rio de Janeiro)

QUANTO: grátis

1 Comentário

  1. Museu Histórico de Jatai

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>