TecnoArteNews

Notícias sobre cultura e arte contemporânea

quarta-feira

21

março 2012

1

COMENTÁRIOS

Nunca diga Mao: a arte censurada dos artistas chineses Gao Brothers

Escrito por , Postado em Destacadas, Estéticas Tecnológicas

Sense of Space, Gao Brothers

Os Gao Brothers são uma dupla de artistas que trabalha em Pequin. Os irmãos Gao Zhen e Gao Qiang são muito ativos em instalações de arte, performances, obras fotográficas e testos teóricos da metade dos anos 1980. Seus trabalhos estão na vanguarda da arte chinesa.

"Sense of Space", Gao Brothers

O sucesso da dupla, no entanto, vem seguido de uma luta contra a censura no país. Em 1989, durante uma exposição na China National Art Gallery, a primeira mostra a pós a morte de Mao, o público chinês veria, pela primeira vez, nus – até então considerados absurdos, humilhantes e símbolo de pobreza.

Os artistas Gao Brothers

Os Gao fizeram sua estreia com Mas Media ou Infationism, uma instalação inflável que representa o órgão sexual de um hermafrodita e que confrontava, de uma maneira bastante chocante o espectador com o milenar tabu chinês.

"Arrastando prostituta", de Gao Brothers

E assim começou a longa historia dos Gao Brothers com as autoridades chinesas. Nos últimos anos várias de suas obras foram censuradas e retiradas de circulação. Recentemente, a obra Miss Mao tem sido exposta fora das fronteiras da China, já que o regime chinês não apreciou muito as provocações dos irmãos.

"Miss Mao", de Gao Brothers

Miss Mao é uma escultura produzida em várias cores que representava um meio busto gigante do líder Mao Zedong, em versão feminina, com seio nu e nariz longo. O título no idioma original “Mao xiao jie” traz, ainda, uma ambiguidade entre “senhorita” e “prostituta”.

"TV", de Gao Brothers

Além disso, o fato de que tenham como tema recorrente a homossexualidade, ainda tabu em terras chinesas, acaba por revelar o contexto da produção artística chinesa que ainda sofre com as censuras de um governo pouco disponível a discussões.

"Twenty People Paid to Hug No. 2", Gao Brothers

Certamente, o trabalho artístico dos Gao Brothers tem se constituído em uma das experiências mais interessantes da arte contemporânea chinesa.

A execução de Cristo, de Gao Brothers

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>