TecnoArteNews

Notícias sobre cultura e arte contemporânea

quarta-feira

20

junho 2012

0

COMENTÁRIOS

100 anos do nascimento de Alan Turing

Escrito por , Postado em Destacadas, Notícias, Tecnologia

Alan-Turing 01

No dia 23 de junho completam-se 100 anos do nascimento de Alan Turing, matemático, pioneiro nas ciências da computação que contribuiu nos campos da lógica, criptoanálise, ciências cognitivas, inteligência artificial e biologia. Embora seja reconhecido nesses campos da ciência, muitas vezes sua contribuição não foi suficientemente destacada.

Quem foi Alan Turing e porque foi tão importante?

Turing nasceu em Londres em 23 de junho de 1912 e, desde novo, manifestou interesse e talento pela matemática, algo em que se especializaria mais tarde na universidade.

Em 1936 apresentou suas primeiras pesquisas relevantes. Nessa época, um problema que se debatia entre os matemáticos era o Entscehidungsproblem, ou o “problema de decisões”, proposto em 1928 pelo matemático alemão David Hilbert.

O problema original datava do século XVII quando o matemático Gottfrief Leibniz se encontrava aperfeiçoando uma das primeiras calculadoras e pensou na possibilidade de criar uma máquina que pudesse responder “sim” ou não” para determinar se uma afirmação era universalmente válida para uma série de axiomas pré-determinados.

O problema pode ser visto também como a criação de um algoritmo que pudesse decidir quando uma afirmação pudesse corroborar em base aos axiomas, usando regras lógicas.

A Máquina de Turing

O problema é impossível de resolver, algo que tinha sido provado por Alonzo Church como Alan Turing de forma mais ou menos simultânea usando diferentes métodos. O resultado foi plasmado em um teorema conjunto.

Entretanto, a prova proposta por Turing introduziu a criação da Máquina de Turing, um simples aparelho hipotético que manipulava os símbolos em uma fita de acordo com uma tabela de regras.

Mesmo simples, a Máquina de Turing pode ser adaptada para simular a lógica de qualquer algoritmo computacional e se utiliza até hoje na teoria da computação para explicar funções do CPU dentro de um computador. Turing provou que uma máquina como esta poderia realizar qualquer tipo de computação matemática se esta pode ser representada por algum algoritmo.

A ideia de uma “máquina universal” que pudesse realizar as tarefas de qualquer outra máquina – ou ser capaz de computar qualquer coisa computável – era nova naquele tempo.

Depois dessa pesquisa, Turing trabalhou quase dois anos com Alonzo Church no Instituto de Estudos Avançados de Princeton, nos Estados Unidos. Além de trabalhar como matemático, Turing começou a estudar cifrado ou criptologia. Em junho de 1938 recebeu o grau de doutor da Universidade de Princeton.

100 anos depois, a Máquina de Turing feita de Lego

Para homenagear os 100 anos de nascimento de Alan Turing, um breve documentário mostra como seria o funcionamento da Máquina de Turing feita exclusivamente com Lego.

Contribuição de Turing no campo da Inteligência Artificial

Depois da Segunda Guerra Mundial, Turing se mudou para Richmond, Londres, onde trabalhou no design do “Motor Computacional Automático” (ACE, por suas siglas), no Laboratório Nacional de Física. Em 1946 apresentou uma pesquisa onde detalhou o primeiro desenho detalhado de um programa computacional armazenado, ou seja, que armazenava instruções para um programa em uma memoria eletrônica. Ainda que o desenho proposto fosse possível de ser fabricado, a quantidade de segredos que havia depois da guerra atrasaram a viabilização do projeto, até que Turing o abandonou.

Durante sua ausência (em 1947 retornou a Cambridge), foi construído o primeiro ACE que executou seu primeiro programa em 10 de maio de 1950. No entanto, o modelo de ACE proposto por Turing nunca foi construído, mas suas ideias deram origem a máquinas como a English Electric BEUCE e o Bendix G-15 anos mais tarde.

Em 1948, Turing começou a trabalhar no Departamento de Matemática da Universidade de Manchester, onde realizou novas investigações em matemática abstrata, já entrando no campo da inteligência artificial. Turing propôs, em 1959, o Test de Turing, que tenta definir um modelo para que uma máquina possa ser considerada “inteligente”. A ideia era colocar um ser humano para interrogar a máquina. Se o humano não pudesse distinguir, através da conversa, se seu interlocutor era um humano o uma máquina, concluía-se que o computador era capaz de pensar.

Em sua pesquisa, Turing propunha que, no lugar de criar um programa que simulasse uma mente adulta, era preciso criar um mais simples que pudesse simular a mente de uma criança e, logo, “educá-lo”.

Alguns anos antes disso, Turing havia começado a desenvolver um programa de xadrez para o computador – que ainda não existia. Em 1952, como não existia nenhuma máquina poderosa que pudesse executar o programa, Turing jogou xadrez simulando o computador, tomando-se meia hora por cada movimento sobre o tabuleiro. O programa perdeu contra um amigo de Turing, Alick Glennie.

Em 8 de junho de 1954, Turing foi encontrado morto em sua casa. A causa da morte teria sido envenenamento. Tal como no conto Branca de Neve e os Sete Anões, o corpo de Turing foi encontrado junto a uma maçã mordida e, embora a maçã não tenha sido revisada, acredita-se que tenha ingerido o veneno através da fruta.

O Legado de Alan Turing

Vinton Cerf, um dos “pais” da internet, escreveu uma coluna para a BBC, na qual mostra sua expectativa para que as celebrações de homenagem a Alan Turing permitam fazê-lo mais conhecido para além da comunidade de cientistas computacionais.

“A sua é uma história de ascensões impressionantes e quedas devastadoras. Uma historia de um gênio cuja perspicácia matemática ajudou a salvar milhares de vidas, mas que não pode salvar a si mesmo da condenação social, com resultados trágicos”, afirmou.

Vale ressaltar que Turing era homossexual. No Reino Unido de então, atos homossexuais eram ilegais, pelo qual, após reconhecer publicamente a relação sexual com Arnold Murray, ambos foram condenados por “grave indecência”. As opções de castigo eram ficar preso ou submeter-se à castração química em liberdade condicional. Turing optou pela segunda alternativa.

O dia 23 de junho será celebrado com uma conferência em Manchester e uma exibição no London Science Museum, que mostrará vários artefatos da época do matemático. Cerf espera que as homenagens “ajudem a fazer de Turing um herói e um homem conhecido para além da comunidade técnica que honra sua memória”.

Filme sobre Alan Turing

No ano passado foi produzida um filme para a televisão no Reino Unido sobre Alan Turing. Veja o trailer.

Fontes:

- Fayerwaer

- BBC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>