TecnoArteNews

Notícias sobre cultura e arte contemporânea

quarta-feira

1

fevereiro 2012

0

COMENTÁRIOS

Titanic, de volta em 3D no Dia de São Valentim! Vem aí uma nova Titanicmania?

Escrito por , Postado em Notícias

titanic 3D

Este é um período em que os revival em 3D atingiu destaque em Hollywood. Um dos filmes mais aguardados é o Titanic em 3D. O filme de James Cameron, segundo maior em bilheterias da história do cinema, regressará em edição especial, por uma noite apenas, no dia de São Valentim, antes da reestreia oficial prevista para dia 6 de abril. A exibição será gratuita e em cinemas selecionados por todo os Estados Unidos.

A expectativa maior por este filme é ver como o diretor conseguiu converter a qualidade do filme digital para a nova tecnologia, para que os efeitos estivessem à altura de seu Avatar, filme que também é um divisor de águas da tendência de produção de filmes 3D. O diretor teria afirmado faltar entre seis meses e um ano para a completa transformação de seu grande sucesso de 1997. Fato é que, por não se tratar de um filme novo, a aventura do casal protagonista no afundamento do mítico transatlântico em abril de 1912, segue despertando interesse do público. Sua reestreia oficial nos cinemas coincide com o 100 aniversário do desaparecimento do Titanic depois de chocar-se com um iceberg no Atlântico.

Para o mesmo período ainda estão previstas duas séries sobre o naufrágio. Uma produção norte-americana, Titanic, uma minissérie em quatro episódios tem previsão de estreia para o dia 12 de abril, sendo exibida na Inglaterra e em mais 50 países simultaneamente. A outra é uma produção italiana e irlandesa de 12 capítulos, Titanic: Blood and Steel. Na internet já se pergunta se o excesso de produções simultâneas sobre a tragédia não poderia criar uma nova Titanicmania, ou seja, uma nova febre pelo Titanic?

Voltando ao filme Titanic 3D, sabemos que Leonardo de Caprio e Kate Winslet já não conservam a jovialidade. Mas o que se espera é que a nostalgia deixada pelo filme possa ser vivenciada pelos fãs e a produção possa conseguir sucesso semelhante ao conseguido por O Rei Leão, quando retornou às salas de cinema em versão 3D, arrecadando outros 168 milhões de dólares além dos 300 arrecadados em 1994.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>